Não há nada mais provocante e sensual do que um striptease bem feito. É o momento em que a mulher exercita a sua sensualidade e deixa o homem a pedir mais e mais.. O sexo masculino é extremamente visual, por isso, esta brincadeira de ir revelando o corpo aos poucos é muito excitante para eles.

Quanto tempo deve durar?

O ideal é escolher de uma a três músicas, não mais do que isso. Mais tempo pode cansar o homem ou deixa-lo frustrado. A ideia é que o striptease sirva de preliminar para o sexo, então ele deve ser utilizado para deixar o parceiro no clima. Veja quanto tempo demora para tirar peça por peça sem que isso seja feito muito rápido.

Como escolher músicas para striptease?

O striptease é quase uma dança, pois permite que a mulher mexa o seu corpo no ritmo da música. Por isso, o som escolhido para esse momento é um dos itens mais importantes. Essa escolha depende muito do estilo da mulher: se ela deseja algo mais lento e sensual, para tirar peça por peça bem devagar, ou se prefere mexer mais o corpo, o quadril, provocando o parceiro com uma dança mais rápida e insinuante.

A mulher precisa se sentir segura com o ritmo escolhido. O ideal é optar por músicas para striptease que a façam se sentir bonita, sexy e principalmente que a deixe confiante. Depois de achar os temas certos, é necessário ensaiar, assim a mulher pode descobrir se fez uma boa escolha e perceber que movimentos ficam melhores com quais partes das músicas.

O striptease é uma forma de entretenimento para adultos. Pense bem: onde se produziria esse tipo de festa se não fossem os clubes de strip? Conheça mais sobre a vida das profissionais e descubra algumas dicas para realizar o striptease.

1. O striptease surgiu nos Estados Unidos por “acidente”: uma dançarina profissional, ao tirar a gola de seu vestido no palco (para não manchá-lo de suor e não gastar mais com a lavanderia), levou o público ao delírio. Percebendo a reação da plateia, ela continuou o espetáculo e tirou também os punhos do figurino. Estava criado o striptease.

2. Não existem dados concretos sobre a quantidade de clubes de striptease que existem em Portugal. Muitos dos espectáculos acontecem em boates e outras casas nocturnas.

3. A palavra striptease é uma das que as pessoas mais se enganam a escrever: na internet existe streaptese, streptease, streeptease, strep, streptease, streptese, striptise, stripe, stip tease, stripesthese, streep tease e até stip tisi.

4. O pole dance só foi introduzido nos clubes de striptease em 1968.

5. A média de idade das strippers profissionais é de 24 anos. A maioria é caucasiana, mais da metade é estudante ou mãe solteira e pelo menos cinco entre 10 já foram assaltadas no trabalho.

6. Dependendo do local de trabalho, as strippers podem ganhar mais que médicos e engenheiros!

7. Nalguns países strippers que queiram colocar silicone podem deduzir os gastos do imposto de renda, alegando que são “gastos para o trabalho”.

8. Há um campeonato mundial de pole dance que ocorre anualmente em diferentes lugares do mundo. Os participantes promovem práticas todos os anos com a esperança de incorporar o esporte às Olimpíadas.

9. Listas de reprodução com músicas para striptease são das mais procuradas na internet.

10. Imensos artistas gravaram vídeos usando dançarinas de pole dance. Algumas artistas, como Shakira ou Britney Spears, protagonizaram elas próprias estes videos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *