Os suecos deveriam ser autorizados a ter uma pausa de uma hora no trabalho para terem relações sexuais com os seus parceiros, propôs hoje um vereador de uma pequena cidade daquele país.

“Há estudos que mostram que o sexo é saudável”, disse Per-Erik Muskos, de 42 anos, o vereador da cidade de Overtornea (norte da Suécia) que apresentou a moção para a pausa sexual.

Em declarações à agência francesa AFP, o vereador disse que a sua proposta visa melhorar as relações pessoais dos cidadãos.

Per-Erik Muskos considerou que na sociedade atual os casais não passam tempo suficiente um com o outro e a sua proposta é “sobre melhorar os relacionamentos”.

O vereador reconheceu que não haverá forma de verificar se os empregados não usam a sua hora para outros fins que não seja estar com os parceiros.

“Não podemos garantir que o trabalhador não vai antes dar uma volta”, disse Muskos, acrescentando que os empregadores precisam de confiar nos seus empregados.

Também disse que “não vê qualquer razão” para que a moção seja chumbada.

Fonte: Jornal de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *